O IMAGINÁRIO DE ÁFRICA NA CARTOGRAFIA DE GUILHERME BLAEU

Mapa da África de Guilherme Blaeu (1644)
 

A sedução pelos mapas é invariavelmente associada aos que amam a geografia. Isto porque o conhecimento cartográfico é indissociável da apreciação geográfica de mundo.

Os mapas revelam seduções e traições, gostos e desgostos, tudo isso evidenciado em imagens que em princípio, seriam técnicas e neutras.

Foi com base nesta perspectiva que sendo parceiro de colegas geógrafos do site Geocarto, elaborei o texto O Imaginário de África na Cartografia de Guilherme Blaeu, centrado na análise do notável mapa do continente africano elaborado em 1644 pelo cartógrafo batavo Guilherme Blaeu.

Este mapa, que compõe a capa de Memória D'África - A Temática Africana em Sala de Aula (Cortez Editora, 2007), obra da qual sou co-autor, é uma notável peça cartográfica, de extrema importância para a avaliação do imaginário que a civilização ocidental construiu e sistematicamente reconstruiu quanto ao continente negro.

Em suma, um aporte conceitual merecedor de interesse junto a amplo universo de aficionados, tanto os preocupados com a questão do racismo quanto com os que analisam os preconceitos tradicionalmente direcionados contra a africanidade e ao mundo negro.

 

 

 

O teor integral do texto publicado pode ser acessado no link abaixo.
(Texto masterizado e incorporado à Geocarto - Série Cartografia 5)
Clique aqui para fazer o download do arquivo em PDF


Joomla Templates by Joomla51.com